sábado, 16 de dezembro de 2017

10 dicas simples para viver mais feliz



Viver com alegria pode ser uma escolha que fazemos todos os dias, na forma como encaramos os desafios e situações que aparecem. 


As dicas a seguir são simples 
e podem ser aplicadas por todos nós:

1- Reconhecer as pequenas alegrias da vida,por menores que sejam,é algo que vai elevar seu nível de felicidade.

2- Ajudar os outros vai lhe proporcionar uma enorme satisfação.Além de esquecer seus próprios problemas você vai sentir alegria em ser útil as pessoas.

3- Ser mais tolerante e compreensivo com você mesmo e com suas imperfeições procurando superação sem culpa,são atitudes que vão influir no seu bem estar.

4- Realizar ao menos uma atividade prazerosa por dia,por mais simples que seja, é algo que influi positivamente no seu estado de espírito.

5- Planejar e tentar realizar projetos é algo que além envolver você de modo positivo,também vai lhe impulsionar na busca do objetivo sonhado.

6- Aprender algo novo gera satisfação pois vai ampliar seus horizontes,ajudando você a ter uma nova perspectiva a respeito do mundo em que vivemos.

7- Expressar simpatia pelas pessoas as torna mais receptivas em relação a você possibilitando uma convivência harmoniosa e fazendo com que você seja mais querido.

8- Perseguir oportunidades para progredir no caminho escolhido traz realizações e fazem você ir muito mais longe.

9- Aceitar a ideia de que existem vários pontos de vista e que os outros também podem ter razão vai evitar discussões e dissabores tornando sua vida mais tranquila.

10- Ter empatia com as pessoas,se colocar no lugar delas e avaliar suas dificuldades,dores e limitações é algo que vai fazer você as compreender melhor e não se irritar facilmente.

(Fonte: refletirpararefletir.com.br)


Sucos para hidratar o corpo


Morango e cenoura:
bata 5 morangos, 1 cenoura e 200ml de água de coco (ou de água mineral);

Maçã, salsão, aipo e gengibre:
bata 1 maçã, 1 talo de aipo e 1 de salsão e uma colher de sopa de gengibre ralado;

Abacaxi, hortelã, limão e água de coco:
bata 300 ml de água de coco,2 fatias médias de abacaxi,4 folhas de hortelã e o suco de meio limão;

Melancia com limão:
bata uma fatia pequena de melãncia com o suco de um limão;

Erva-doce e pera:
bata 1 pera com 300ml de chá de erva-doce;

Melão, mel e água de coco:
bata 200ml de água de coco,1 colher (de café) de mel e uma fatia de melão;

Chá mate com limão:

bata 200ml de chá mate com o suco de 1 limão.
É uma ótima pedida para hidratar rapidamente e refrescar;

Banana com maçã:
bata uma banana nanica com uma maçã e 200ml de água de coco.
Se preferir, use leite desnatado em vez de água de coco;

Melância com capim cidreira e laranja:
bata 1fatia pequena de melancia,o suco de 2 laranjas,2 folhas de capim cidreira e coe antes de servir;

Maçã verde, mel e limão:
bata 1 maçã verde,1colher (de café) de mel e o suco de um limão;

Goiaba com água de coco:
bata 200ml de água de coco com uma goiaba vermelha;

Abacaxi com hortelã:
bata 2 fatias de abacaxi com 3 (ou mais) folhas de hortelã.






quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Reflexão

Amor, Luz e Paz

Homeopatia * Tratamento sem efeitos colaterais


Entre todas as Terapias Complementares, a Homeopatia é a mais popular. O princípio que fundamenta o método, baseia-se no uso da lei dos semelhantes, já referida por Hipócrates no século IV a.C. Para os Homeopatas, “semelhante cura semelhante”. E isso significa que uma doença deve ser tratada por alguma substância capaz de provocar sintomas idênticos em uma pessoa sadia. 



A importância da consulta

A maioria das pessoas tende a pensar e a ver as coisas de forma mecanicista: o corpo é tido como algo em estado de inércia. Se ele adoece, a causa foi um motivo externo. Para reagir ou melhorar, precisa de outro fator causal: um efeito químico, molecular, etc. “Essa seria a força suficiente e necessária para aliviar ou suprimir aquele estado”. 

Entretanto, o corpo é algo com vida própria. E se entendermos o organismo com essa mesma força, isto é, algo vivo, é fácil concluir que, se dermos a ele um tratamento que coloque essas forças em movimento, e no sentido da cura, ele dispensará fatores ou moléculas externas, que agiriam por si. 

O objetivo da Terapia, então, é recolocar o cliente no centro do paradigma da atenção. Assim, as consultas com Terapeutas Homeopatas, que são formados em escolas Tradicionais de Medicina, a avaliação compreenderá as dimensões física, psicológica, social e cultural, pois a doença é vista como uma expressão da ruptura do equilíbrio dessas diferentes dimensões. Para atingir esse fim, perguntam-se coisas que o cliente nunca poderia imaginar que precisasse ou quisesse saber. Por isso, quanto mais exatas, corretas e detalhadas forem as respostas, melhor será a avaliação Homeopática.


O medicamento certo

Com todas essas informações, o Terapeuta Homeopata, estará apto a escolher um medicamento entre os 3 mil existentes. Um deles será o remédio de fundo, que deve ser tomado constantemente, além do circunstancial para início do tratamento. A base desses medicamentos são plantas e minerais diluídos em água ou álcool. E para cada cliente, um remédio determinado: pessoas com doenças iguais podem receber tratamentos diferentes.


Posso usar a homeopatia 
como coadjuvante no tratamento alopático?

Em algumas situações, essa condição é fundamental, especialmente em clientes com desequilíbrio orgânico grave. Exemplos disso são casos de câncer, hipotireoidismo, aids, diabetes, etc. A Homeopatia será útil para o equilíbrio do cliente.


Por que os remédios são diluídos?

A Homeopatia se baseia no princípio da lei dos semelhantes: o que causa um mal, pode curar um mal semelhante. Assim, o que dá resultado, é a dose e como ela é administrada. Por isso, a experiência demonstrou a necessidade de usar pequenas doses de medicamento.

O que é o método plus?

Os remédios Homeopáticos podem ser ministrados na forma líquida ou em glóbulos. Quando se aplica o método plus, a regra geral é que a própria pessoa faça a diluição em água e tome, aos poucos e repetidamente, as doses.


Quais são os principais benefícios?

É um tratamento natural; fortalece a relação Terapeuta-Cliente como um dos elementos fundamentais da Terapêutica; promove a humanização na atenção, estimula o autocuidado e a autonomia do cliente; atua nas doenças não transmissíveis, doenças respiratórias, alérgicas e transtornos psicossomáticos.


terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Fragilidade


A fragilidade e a unicidade do que é viver, está sempre ao nosso redor. 

Há algo único em ouvir aquela música pela primeira vez, se encantar a cada página com aquele livro novo ou ver aquele pôr do sol que jamais se repetirá. 

A beleza e ao mesmo tempo a fragilidade da vida, se encontram ligadas pelo momento único em que vivemos. 

Tudo o que é, não mais será e tudo o que foi apenas reside em nossa memória, intocável por nossos sentidos e apenas alcançado por nossa alma. 

Portanto, não há algo completamente insignificante que não mereça um sorriso, um olhar ou um simples minuto de atenção. 

Tudo têm a sua importância porque tudo existe, ainda que por um breve intervalo de tempo. 

Alguns átomos existem desde o início do universo, mas o que eles compõem são únicos, no tempo e no espaço. 

A beleza e a fragilidade, talvez residam então não na eternidade, mas no ínfimo sopro de tempo que é o existir.


segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

5 Sentimentos Tóxicos que Afastam a Prosperidade



Em meus atendimentos e palestras, ensino como trocar sentimentos negativos por positivos, otimistas e construtivos.

Sabendo que sua vida é um reflexo de seu mundo interior, de seus pensamentos, sentimentos, emoções, crenças e preces, veja, então, como combater 5 sentimentos tóxicos que afastam a prosperidade de você (sempre lembrando que a prosperidade é composta pela boa saúde, bons relacionamentos e dinheiro):


RESSENTIMENTO
– Guardar rancor de alguém é estocar lixo dentro de você, que, mais dia menos dia, se transformará em doença ou problemas financeiros. Decida perdoar, lembrando que o perdão não é esquecimento das ofensas no sentido de perder a memória, e sim, no sentido de “deixar de lado” e colocar o ofensor em uma posição de “desimportância” em sua vida.

CULPA – Sentimento improdutivo que sabota a sua felicidade e o seu sucesso. Se hoje você se sente incapaz de cometer os mesmos erros do passado, então é porque você evoluiu e merece uma chance para mudar. Minha dica é um exercício de autoperdão, onde você vai falar para sua imagem no espelho, duas vezes ao dia (ao acordar e antes de deitar), 21 vezes, a seguinte declaração: “Eu me perdoo e me liberto para ser feliz! Eu mereço!”

INVEJA– Ao invés de ficar se comparando a quem é melhor do que você, faça um trabalho interior de autocomparação, ou seja, veja como hoje você é uma pessoa mais experiente e capaz do que era anos atrás, e valorize-se!

INFLEXIBILIDADE – Tenha compaixão e paciência com aqueles que não são como você. Aprenda a se colocar no lugar dos outros, sentir o que eles sentem, entender o ponto de vista deles, e, assim, seus pensamentos se tornarão mais leves e flexíveis.

MEDOS – Falo aqui dos medos que sua mente cria para bloquear seus caminhos – medo do mal dos outros, do sucesso, da pobreza, de ficar sozinho, das doenças, da velhice, etc… A melhor forma de combater estes medos é usando sua imaginação para se ver feliz e realizado, cheio de boas energias e livre de qualquer temor. Assim, amplie sua fé em Deus e faça a sua parte naquilo em que é possível agir. Sempre digo que o Universo adora apoiar quem sabe o que quer!


Por Eliana Barbosa
(fonte: elianabarbosa.com.br)


Autoconhecimento é fundamental

autoconhecimento


Na busca pelo sucesso e pela felicidade, é preciso lembrar que as realizações só começam a acontecer quando você assume o controle efetivo de sua vida.

E para você conseguir ser um verdadeiro líder de si mesmo, um dos recursos mais preciosos é o AUTOCONHECIMENTO – dar um mergulho nas profundezas do seu ser e voltar à tona consciente de quem realmente você é, sem desculpas ou falsas aparências.

É importante vencer o medo de encarar o seu próprio “eu” e de se expor para si mesmo, além do temor da responsabilidade de ter que mudar.

Então, pensando no seu crescimento, lanço agora um grande desafio para você:

Coloque-se cara a cara com esse alguém tão maravilhoso – VOCÊ, e permita-se se conhecer melhor.

Todas as noites, utilize seu momento de dormir para um saudável “olhar interior”:


Faça uma análise do quanto você contribuiu e do quanto você custou para a vida nessas últimas 24 horas. Se você custou mais do que contribuiu, então você precisa mudar para melhor.

Valorize-se por suas conquistas e seja grato ao apoio que você recebe todos os dias, quer seja do Universo, ou de ombros amigos.

Faça um compromisso consigo mesmo de se melhorar dia a dia, pensando positivamente, vivendo emoções construtivas e agindo no sentido de crescer e de ser instrumento para o crescimento daqueles que o cercam.

Descubra a sua luz interior e tenha coragem para se deparar com seu lado aindaSomente quando você assumir suas virtudes e limitações é que terá total controle de sua vida e do que você pode transformar.

Chegou a hora: marque um encontro consigo mesmo, comemore suas conquistas, aceite suas fraquezas e, definitivamente, pare de correr dessa pessoa tão especial que é… VOCÊ!

Por Eliana Barbosa
(fonte: elianabarbosa.com.br)